[ jp / vlm ] [ th / k ] [ p ] [ mod ] [ irc ]

/jp/ - Japão e Cultura Otaku

2d > 3d
E-mail
Assunto
Comentar
Arquivo
Inserir
Senha (Para excluir arquivos)

Desculpem-nos pelo tempo que levou para voltarmos. Os problemas que restam serão resolvidos assim que possível.

File: 1562119680207.jpg (1,17 MB, 1140x1390, Atelier.jpg)

 No.19293

>"if Gust doesn’t release a new Atelier each year then we’d die, so we’ll surely have something this year!" - Yoshito Okamura, diretor/produtor da série Atelier

NT: Atelier e Gust general.

Fio para novidades, comentários e discussão em geral sobre a série de jogos Atelier e outros títulos da Gust (Ar tonelico, Blue Reflection, Nights of Azure, Nelke, entre outros). O fio não fica restrito aos jogos, sintam-se a vontade para postarem fanarts, figures, cosplays, músicas, comentários, dúvidas, indicações, pedidos, reviews, notícias, suas próprias coleções, etc. Tudo relacionado à série Atelier e os jogos da Gust.

Um vídeo excelente para introduzir alguém à série:
https://www.youtube.com/watch?v=oh4P9Lzplfg

Começar a série Atelier por qual jogo?
https://barrelwisdom.com/info/atelier-series-guide/

Atelier Wikia:
https://atelier.fandom.com/wiki/Atelier_Wiki

Twitter oficial da Gust (em japonês):
https://twitter.com/GustSocialPR

 No.19294

Dia 09/07/19, às 09h da manhã (21h no glorioso) será transmitido o primeiro gameplay oficial de Atelier Ryza (o mais novo jogo da série que vai sair este ano) no canal da Koei Tecmo no Youtube:

https://www.youtube.com/watch?v=9bPFU8B2_AI

Vamos finalmente descobrir mais como será o gameplay deste novo título da série. Se mantiverem o padrão que fizeram nas últimas transmissões de gameplays de novos jogos vão exibir batalhas, sistema de alquimia e movimentação livre nos mapas, além das diversas mecânicas novas do título.

Por enquanto só temos este pequeno trailer com rápidos momentos do gameplay. Vídeo relatado.

 No.19331

Um bom vídeo sobre o que sabemos sobre Atelier Ryza até agora e o que ainda não sabemos e mais algumas análises a partir do que temos até agora.

 No.19337

Transmissão de um gameplay de Atelier Ryza feito hoje de manhã pela Gust. Vídeo começa aos 6:20, also:

>28:48 to 39:16 – Gameplay

>49:40 to 50:05 – “Summer Adventure” First-Print Bonus Costume Gameplay
>50:37 to 51:48 – “Divell’s Embrace” Premium Box Limited Edition Costume Gameplay
>52:17 to 52:53 – “Blue Puni” T-Shirt Gust Shop-Exclusive Combo Set Early Distribution Costume Gameplay
>53:52 to 54:29 – “Secret of Kuken Island” T-Shirt Gust Shop-Exclusive Combo Set Early Distribution Costume Gameplay

 No.19339

File: 1562719439221-0.jpg (335,95 KB, 1920x1080, D_CQ3UOU4AAGkEn.jpg)

File: 1562719439221-1.jpg (268,99 KB, 1920x1200, D_CSIQLWwAAAZz3.jpg)

File: 1562719439221-2.jpg (298,05 KB, 1920x1080, D_ES3z2WwAEN2Kr.jpg)

>>19337
Hora de comentar esta ótima preview do jogo. Ainda não mostraram tudo do jogo, ainda teremos mais personagens, mais mapas, possíveis outras mecânicas e muito mais. Mas pelo que pudemos ver por este pequeno gameplay já tem tudo para ser um dos melhores Ateliers já feitos!

O sistema de batalha é inovador para a série. Enquanto todos os demais Ateliers eram em turnos, em Atelier Ryza temos uma espécie de ATB (active time battle). Não há turnos, mas tão somente cada personagem e oponente tem sua velocidade e vai avançando na ordem de ação podendo ocorrer ataques simultâneos (algo semelhante a alguns jogos da série Final Fantasy). Isso torna as batalhas mais dinâmicas e abre espaço para estratégias distintas.

Os cenários estão um show à parte. Parecem grandes (talvez tanto ou maior quanto os de Lydie & Suelle) e cheios de variações. Os mapas aparentam ser amplos e variados, bem longe de certos jogos mais famosos que são meros simuladores de corredor (cof cof, FF XV). Com a passagem de tempo e provável troca de climas o ambiente se torna bem mais vivo. Notei que na cidade há diversos detalhes e um número maior de NPCs transitando do que nos títulos anteriores. Outra diferença foi que, se não entendi errado, o Atelier da Ryza tem mais de uma sala acessível (nos outros jogos os Ateliers eram um ambiente só).

Ainda em relação aos cenários temos a exploração dos mapas. O gameplay foi bem rápido, contudo pudemos notar a mecânica de escolha de ferramentas para coletar itens. Anteriormente na série apenas podíamos coletar os itens ou destruir alguns objetos para coletar aleatoriamente seus drops. Em Atelier Ryza podemos usar ferramentas distintas para obter certos ingredientes: usando uma foice em uma árvore obtemos lascas de madeira, usando um machado obtemos troncos, batendo com um martelo temos frutas caindo, cutucando com o staff recebemos colmeias, entre outras interações. Isso facilita o gathering de certos itens que precisamos para a alquimia.

E por falar em alquimia o sistema foi completamente renovado. O que temos em Atelier Ryza lembra em parte Mana Khemia com um grid de linhas que vão abrindo e se ramificando, contudo isso não é como skills para as personagens, mas sim a cada criação de itens. Como mostrado no vídeo, ao criar uma bomba se usarmos certos itens vão abrindo caminhos na grid e vamos optando por usar ou não outros ingredientes, estes irão adicionar novos traços e mais poderes aos itens criados. Contudo podemos completar a criação apenas com os itens base de cada item. Assim há uma progressão bastante grande ao longo do jogo. Imagino que de início podemos criar por exemplo uma bomba simples com algum item inflamável, ao colocar mais alguns ingredientes abre-se mais o grid, mas algumas células vão pedir itens que só vamos obter em outros mapas que ainda não abrimos, mas ao consegui-los vamos melhorar a capacidade de criar itens mais fortes

No mais, aguardo pelos novos personagens. Será que a nossa queria Pamela vai estar presente também neste título? Ou será como a trilogia de Dusk que Hagel e Pamela não apareceram? E afinal de contas, o que o subtítulo deste novo jogo quer dizer? São coisas que só vamos saber com as novas informações que a Gust repassar.

Viram só? Atelier Ryza tem muito mais a oferecer do que meras coxas grossas e jiggle physics.

 No.19340

>>19337
>>19339
Facilitando a visualização, só o trecho longo de gameplay.

 No.19368

>>19339
Uma análise melhor que a minha e muito mais completa. Vale a pena ver este vídeo. Graças a ele já descobri parte do motivo do subtítulo de Atelier Ryza.

 No.19371

O nosso ídolo também joga Atelier, hue.

 No.19382

File: 1563245097363-0.jpg (240,35 KB, 1062x1500, 75142483_p0.jpg)

Entrevista com Junzo Hansoi, produtor de Atelier Ryza:

https://www.siliconera.com/2019/07/15/atelier-ryza-producer-on-story-details-how-character-designs-were-handled-and-more/

Alguns pontos interessantes:
>o design da Ryza foi pensando em ela ser uma garota "normal", sem nada demais, diferente das protagonistas dos outros ateliers que eram mais "floridas" e femininas
>apresentaram primeiro o lado masculino do elenco, diferente dos outros Ateliers que mostravam as garotas antes, isso se deve à ideia deste Atelier que não é focar na história da protagonista, mas em uma história de amadurecimento de garotas e garotos
>o design da Klaudia foi o último a ser feito, pois queriam fazer uma personagem feminina com as características opostas das da Ryza

 No.19387

Novo vídeo de Atelier Ryza. Pode ser a música de intro do jogo (a que toca no vídeo durante as cenas de início) ou de abertura.

 No.19405

>>19340
Mais um vídeo curto de gameplay. Os mapas deste jogo estão bem interessantes, amplos e com múltiplos detalhes.

 No.19425

File: 1563652623138-0.jpg (259,08 KB, 1200x675, D_1COn7WkAAgbVH.jpg)

File: 1563652623138-1.jpg (246,15 KB, 1200x675, D_1CPC-XsAA3GA6.jpg)

Mais uma personagem confirmada para Atelier Ryza, mas ainda não sabemos se ela será jogável ou só NPC. Apesar de aparentar ser a Pamela (パメラ), o nome dela aparece como Pamila (パミラ). Os dizeres das imagens traduzidos para o inglês:

>"Well, do you know someone who looks a lot like me? Maybe it's because of your mind~ Pamira"


>"I've been to Kuken Island from a distance city, but it's a calm and wonderful place~ Pamira"


Suspeito de que, assim como Atelier Iris 2, é a nossa querida Pamela de sempre, mas com outro nome.

 No.19435

File: 1564093145457-0.jpg (662,97 KB, 2649x1607, 5mlmYnu.jpg)

File: 1564093145457-1.jpg (699,38 KB, 2595x1577, U9NrAWV.jpg)

File: 1564093145457-2.jpg (673,44 KB, 2681x1587, uNZlprt.jpg)

Novas personagens anunciadas de Atelier Ryza. A Lira é lindíssima, uma waifu material com traços de half-human, com garras, pelugem e heterocromia.

Também falaram mais sobre o novo sistema de alquimia.

https://www.siliconera.com/2019/07/24/atelier-ryza-introduces-new-playable-party-member-lira-who-has-black-tights-and-big-talons/

https://gematsu.com/2019/07/atelier-ryza-introduces-three-new-characters-linkage-synthesis-and-gathering-point-synthesis

 No.19518

Novo trailer de Atelier Ryza, saiu hoje.

 No.19529

File: 1565460655727-0.jpg (249,15 KB, 1920x1280, 2.jpg)

File: 1565460655727-1.jpg (61,83 KB, 678x960, 18.jpg)

File: 1565460655727-2.jpg (61,55 KB, 678x960, 19.jpg)

File: 1565460655727-3.jpg (71,92 KB, 1024x365, 22.jpg)

File: 1565460655727-4.jpg (54,96 KB, 871x960, 28.jpg)

Entrevista com o diretor de Atelier Ryza e o ilustrador Torimono sobre o design das personagens. Tem várias imagens do passo a passo do desenvolvimento com diversos comentários, muito interessante. O estilo do Toridamono é mais "edgy", desenhar garotas fofas não é o forte dele, mas mesmo assim ele se superou e conseguiu fazer um excelente design com a Claudia sendo do estilo "princesa" e a Ryza misturando um estilo girlish tomboysh.

Entrevista em japonês:
https://www.4gamer.net/games/461/G046147/20190726026/

Tradução pelo Google Translate:
https://translate.google.com/translate?hl=en&sl=ja&tl=en&u=https%3A%2F%2Fwww.4gamer.net%2Fgames%2F461%2FG046147%2F20190726026%2F

 No.19563

File: 1566428448728-0.mp4 (1,41 MB, 800x450, 大事なお知らせ - - ライザのアトリエは - - ….mp4)

File: 1566428448728-1.jpg (564,54 KB, 2890x1852, xzBLOMH.jpg)

File: 1566428448728-2.jpg (790,98 KB, 2995x1847, Gi0PIbZ.jpg)

File: 1566428448728-3.jpg (782,73 KB, 2975x1840, t0FAnlv.jpg)

Gust anunciou que Atelier Ryza já está concluído (terminaram antes do prazo previsto). Agora só esperar o lançamento! Mais informações:

https://twitter.com/koeitecmoeurope/status/1164174800476151808

https://gematsu.com/2019/08/atelier-ryza-goes-gold


Fiquem com estes scans em alta resolução:
https://imgur.com/a/T7Mvcxy

 No.19567

>Gust anunciou que Atelier Ryza já está concluído (terminaram antes do prazo previsto).

Devem ter reaproveitado muita coisa.

 No.19568

File: 1566602481920.png (105,38 KB, 618x311, 6k6yhkvcdcv11.png)

>>19567
Eles tem múltiplas equipes trabalhando ao mesmo tempo. Entre uma trilogia e outra reaproveitam pouca coisa. A esmagadora maioria do conteúdo é nova: músicas, cenários, monstros (até os punis estão cada vez mais redondos entre uma trilogia e outra), personagens, sistema de alquimia, jogabilidade nas batalhas, traços e efeitos dos itens, animações, etc. Dentro de uma mesma trilogia poderia haver reaproveitamento, mas entre trilogias distintas é muito raro ocorrer (contudo - ironicamente - notei alguns padrões de NPCs que se repetiram da trilogia anterior, mas o modelo 3D está mais bonito).

 No.19569

Segundo preview de OSTs de Atelier Ryza. Meu desu, as músicas estão maravilhosas como sempre, mas mesmo assim surpreendem.

 No.19589

Gameplay de hoje de Atelier Ryza. Mostraram ainda mais do jogo. Os mapas realmente estão bem maiores e os cenários mais bonitos (mesmo no Switch, mas no PS4 e no PC o gráfico ainda fica melhor). O sistema de batalha é em tempo real, se controla semelhante aos jogos da série Tales of, mas sem o movimento e golpes como jogo de luta. Neste título temos uma maior liberdade de customização do Atelier, tanto da parte interna quanto da externa. O interessante é que mostraram bem a diferença que a criação de itens traz, mostrando uma bomba de 50 de dano chegar a tirar mais de 300 apenas pela mudança de itens usando a mecânica nova de modificação de itens já criados. No mais, os principais tempos do vídeo:

>17:28 to 45:43 – Switch Gameplay

> 58:33 to 1:00:16 – Atelier Exterior and Interior Remodeling, Farming Materials in the Field, Memory Map, Treasures, etc.
>1:01:40 to 1:03:36 – Digital Deluxe Version Costumes Showcase

 No.19606

Novo trailer do Game System de Atelier Ryza em inglês.

Não havia notado essa possibilidade de cultivar na hortinha. Agora podemos plantar sementes e colher novos ingredientes!

 No.19609

Trailer do sistema de batalha de Atelier Ryza.

 No.19611

Novo jogo da Gust. Dessa vez será um JRPG baseado em um título famoso de anime/mangá: Fairy Tail. Nunca me interessei muito pela série, mas apenas por ser da Gust já espero um ótimo jogo.

https://gematsu.com/2019/09/koei-tecmo-and-gust-announce-fairy-tail-rpg-for-ps4-switch-and-pc

https://www.siliconera.com/2019/09/05/a-fairy-tail-jrpg-will-be-released-worldwide-in-2020/

 No.19612

File: 1567736000890.jpg (79,21 KB, 773x670, Sem título.jpg)

>>19611
Isso não foi inesperado, foi a partir de votos dos players. Eu fui um que votou em outro título (que nem lembro qual foi), mas na época Fairy Tail estava em alta, foi quem ganhou. Combina com o clima de JRPG.

 No.19636

File: 1568434138020.jpg (104,33 KB, 600x337, Dusk-Series-DX-Init_09-13-….jpg)

Anunciado a trilogia Dusk DX para PS4, Switch e PC (Steam):

https://gematsu.com/2019/09/atelier-ayesha-dx-atelier-escha-logy-dx-and-atelier-shallie-dx-announced-for-ps4-switch-and-pc

Finalmente! Estava aguardando por isso! Jogar meu Atelier favorito (Atelier Ayesha) novamente, mas com áudio em japonês, com extras da versão Plus e no PC em 60 FPS. Comprarei na Steam quando sair.

 No.19664

>>19636
Trailer do anúncio em inglês, só pelos feels. Ao ver novamente essas aberturas já senti borboletas no estômago. Meu desu, vou comprar no primeiro dia que sair na Steam.

 No.19665

Mais novidades de Atelier Ryza. O jogo conta com um sistema de fotos que o jogador pode montar as poses das personagens e paisagens. Também foi adicionado uma mecânica de criar um Puni! O jogador pode ir cuidando de um puni o alimentando e com o tempo vai ganhando itens e o Puni vai crescendo e se transformando.

https://gematsu.com/2019/09/atelier-ryza-updates-to-add-photo-mode-puni-raising-and-more

 No.19683

File: 1569690504972-0.jpg (501,27 KB, 2448x3264, 6361sa9ik1p31.jpg)

File: 1569690504972-1.jpg (313,95 KB, 1920x1080, Top Steam.jpg)

File: 1569690504972-2.jpg (92,9 KB, 613x503, Top Twitter.jpg)

Atelier Ryza se tornou o maior sucesso da Gust até então. Pelo que ouvi falando no Twitter já esgotou em algumas lojas no glorioso. Nas screenshots temos o jogo como nos mais vendidos da eShop do Switch, nos mais vendidos mundiais da Steam (mas é pré-venda, só vai ser lançado final de outubro) e um comentário de uma fonte mais segura que o jogo já passou das 100.000 cópias vendidas no lançamento.

Finalmente a série Atelier está começando a ter a atenção que merece.

 No.19687

>>19683
Desde as primeiras ondas de fanarts dessa maravilha, eu sabia que esse seria o jogo que faria Atelier deixar de ser apenas um jogo de nicho. A atenção e marketing gratuito que a Ryza, e principalmente suas coxas receberam, foi algo excepcional.
Apesar do preço salgado, acho que vou fazer o pre-order na Steam.
E mesmo com toda atenção que esse Atelier está tendo, eu tenho quase certeza que não vai aparecer nos destaques da Steam, mesmo quando estiver próximo ao lançamento. Se aparecer será por 1 ou 2 dias e então será substituído por algum shovelware qualquer. A Steam tem alguma birra com Atelier, não faço ideia do motivo.

 No.19688

File: 1569765960905.jpg (37,2 KB, 720x720, 1530931072364-0.jpg)

>>19687
Me desculpa, mas pagar isso num jogo é muita cornisse, tá o preço dos EUA. Enquanto o brasileiro aceitar ser corno assim vai continuar sendo corneado, na Argentina tá um quinto do preço.

Eu basicamente não pago mais que 50 num jogo, e tenho que querer muito o jogo pra pagar isso. É, literalmente, algo que não tem custo de produção, apenas distribuição e desenvolvimento (desconsiderando cópia física).

 No.19689

>>19688
>Enquanto o brasileiro aceitar ser corno assim
Realmente, esse jogo está bem acima do preço, mas ele é uma exceção. A grande maioria dos jogos na Steam brasileira tem o preço bem abaixo do resto do mundo.

 No.19690

File: 1569770620979.jpg (69,84 KB, 1280x720, 1530845580483.jpg)

>>19689
Sim, estou me referindo mais aos jogos japoneses mesmo. Se ele ao menos estivesse o mesmo preço em outros lugares do mundo, mas nem isso.

Eu acho que é valido colocar o preço de acordo com o lugar que é vendido, o poder de compra das pessoas é diferente de região pra região e, como disse antes, jogo não tem custo de produção.

Já deixei de comprar alguns jogos japoneses por causa disso, apesar de que eu provavelmente nem conseguiria jogá-los, não curto muito jogos japoneses. Queria muito gostar, pois estou sentindo falta de algo pra jogar. Desde 2017 não compro um jogo que eu tenha realmente jogado. Todos os outros eu pedi refund ou simplesmente não joguei muito.

 No.19691

>>19690
Bonito em fala, porém o desenvolvedor não tem culpa se vivemos em um buraco de merda.
>na argentina está um quinto do preço
FIlha da putagem mudar lá e não mudar aqui.
Não pago 224 reais nesta gostosinha também, vou esperar uma promoção de 85%.

 No.19692

File: 1569777312247.png (753,22 KB, 900x636, EFUnllBUEAIr3hb.png)

>>19688
Tem até um tópico no fórum da Steam com bastante replys sobre isso:

https://steamcommunity.com/app/1121560/discussions/0/1630790506914850700/

>EUA: US$ 53,99

>Brasil: US$ 71,87
>Argentina: US$ 10,00

Eu vou comprar de algum revendedor de keys que pegue alguma ativável por aqui (por enquanto achei apenas com restrição para a Europa).

O Atelier Lulua foi um que eu não comprei por estar muito caro. Mas depois ganhei uma key de um sorteio da Koei Tecmo, então não precisei comprar. A trilogia Arland e os demais jogos da Gust peguei em sales. O Atelier Ryza queria comprar a deluxe version, mas neste preço está complicado.

 No.19693

File: 1569800176336.gif (770,53 KB, 500x472, 1530226069143.gif)

>>19691
O desenvolvedor pode vender menos quantidade caro ou mais quantidade barato, o custo pra ele praticamente não muda.

Estou com os Atelier na minha wishlist, se um dia ficar num preço que eu queira pagar e eu tenha coragem de tentar jogar um pra testar, eu compro.

 No.19707

>>19692
Não recomendo comprar keys em sites terceiros porque eles usam cartões de crédito roubados para conseguir aqueles preços.

Além de imoral, pois está incentivando roubo de cartões, pode acabar com a conta banida.

Sobre a discussão de preços, eu acho que se a empresa quiser localizar os preços ela pode, mas não é obrigada. Ela não tem culpa de nossa moeda ser desvalorizada. Se for por essa linha, vão ter que dar o jogo praticamente de graça na Venezuela. Alguém poderia argumentar inclusive que é errado pessoas pagarem valores diferentes pelo mesmo produto.

Eu acho estranho a mídia digital ter o mesmo preço da mídia física, já que os custos de produção e transporte são totalmente diferentes. A economia não é repassada em porcentagem nenhuma pro consumidor final.

 No.19708

File: 1569899049621.png (72,61 KB, 222x234, 7e8d3edb4af6467ad2f819ab01….png)

>>19707
>Eu acho estranho a mídia digital ter o mesmo preço da mídia física, já que os custos de produção e transporte são totalmente diferentes. A economia não é repassada em porcentagem nenhuma pro consumidor final.
O preço de algo não é definido só pelo gasto pra fazer, é também dado a partir do valor que as pessoas dão para o item. Atualmente várias empresas investem no efeito de cauda longa: um produto que vende ao longo do tempo com vendas pingadas, rende mais que se fosse só fazer vendas no lançamento (e mais, no passado era tudo físico, então ocupava espaço na loja, que por sua vez o lojista tinha que pagar aluguel, tem o custo do transporte, insumos para produção, etc - hoje é digital, não há custos, só lucro entrando). Jogos como GTA V já pagaram seus custos de produção há anos atrás, sem despesa relevante alguma adicional continua a gerar um lucro absurdo diariamente nas vendas digitais.

>Não recomendo comprar keys em sites terceiros porque eles usam cartões de crédito roubados para conseguir aqueles preços.

Talvez não. Alguém pode comprar um jogo em um país mais barato (como na Argentina) e revender as keys com um preço acima nestes sites (inclusive são vários vendedores diferentes, alguns parecem fazer isso com muitos jogos distintos) mas ainda mais baratos do que em vários países, então recebem o pagamento em dólar que usam para comprar mais keys baratas e vender novamente para pessoas de outros países.

 No.19709

>>19707
O desenvolvedor que coloque o preço que quiser.

O problema é do corno que pagar preços abusivos por produtos que só tem custo de desenvolvimento. Ainda mais para produtos com publico alvo enorme, como é o caso de jogos.

É como o outro anão falou, a receita liquida pra o desenvolvedor é mais ou menos a mesma coisa. Ele escolhe apenas entre vender pouco ou vender muito.
O desenvolvedor que escolher o primeiro está sendo burro, porque a fama também pode ser monetizada e gerar renda extra.

 No.19710

File: 1569899779132-0.jpg (141,48 KB, 587x632, Sem título.jpg)

File: 1569899779132-1.jpg (164,31 KB, 850x342, sample_a982bf8e407552636a4….jpg)

Atelier Ryza vendeu mais de 150k de cópias na primeira semana do lançamento no glorioso e se tornou o Atelier mais vendido no lançamento da história. Antes dele o recorde ia para Atelier Meruru (2011) que vendeu 82.585 na primeira semana.

https://gematsu.com/2019/09/atelier-ryza-sales-top-150000-in-first-week-in-japan

https://www.siliconera.com/2019/09/30/atelier-ryza-makes-strongest-launch-in-franchise-history-with-over-150000-units-sold-in-japanese-debut/

Será que Atelier Ryza vai se tornar algo semelhante ao Nier Automata? Em Nier automata a bunda da 2B atraiu muitos jogadores novos à série Drakengard que descobriram que era mais do que mero fanservice, pois era um excelente jogo. Agora com as coxas da Ryza talvez mais jogadores descubram a série e entendam que não é um mero garotas fofas fazendo coisas fofas, mas um ótimo jogo muito bem feito com vários pontos positivos. Para comparação, Nier Automata vendeu 190k de cópias na primeira semana de lançamento, anos depois (2017-2019) já passou de 4kk de vendas.

 No.19712

>>19708
Estou ciente que o preço não depende apenas do custo de produção. O que eu acho estranho são as pessoas aceitarem pagar na mídia digital o mesmo preço de lançamentos em mídia física.

Ainda nessa questão, eu penso que, por incrível que pareça, o mercado de mídias físicas apresenta mais das leis do Livre-Mercado e de oferta e procura que o digital. Por exemplo, comprei Gravity Rush 2 por R$19 em mídia física, porque é um jogo que não teve procura nenhuma aqui no Brasil, praticamente, então as varejistas queriam desocupar o espaço de estoque logo. Já nas lojas digitais, é muito comum que os jogos permaneçam com preços artificialmente altos, mesmo com baixa procura e nenhum custo de distribuição.

O que você falou do jogo continuar vendendo ao longo do tempo se chama evergreen. Mas não é todo tipo de conteúdo que tem essa característica, acontece com GTA, jogos da Nintendo e outros títulos de peso, mas a maioria dos jogos tem a maior parte de sua receita nas primeiras semanas de lançamento, os valores arrecadados posteriormente tem pouca relevância contábil.

>>19709
Olha, anão, não quero ser mal educado, mas eu não sei como te responder além de falar pra você trabalhar em alguma publicadora grande e mostrar pra todo mundo como se arrecada mais vendendo jogos AAA por $30 ao invés de $60. Com certeza ninguém tem as informações que você tem, e nem estudaram o mercado. São todos burros.

 No.19714

>>19712
Tem muito título bom por preços menores no Steam. Witcher 3 dava pra comprar por 40 reais não muito tempo depois do lançamento.

Skyrim ficou por 20 reais rapidinho.

E mesmo no lançamento, esses títulos não custavam 230~250 reais. São muito poucos os jogos com preço tão alto. E claro, ambos com certeza custaram muito mais para produzir do que essas coxas.

O problema é que os japoneses aceitam pagar muito caro pelos jogos, e os desenvolvedores japoneses querem cobrar o mesmo valor de todo o resto do mundo.
Mas mesmo assim, outros jogos "japoneses" que com certeza foram bem mais caros para desenvolver custavam coisa de 100 reais a menos no lançamento (RE2, Monster Hunter: World, etc.).

Atelier está mais para o nível de Neptunia, em custo de desenvolvimento. Esse jogo valeria talvez 80 reais, como lançamento. E teria que cair para 20 em um ano.

 No.19716

File: 1569933544941.png (432,69 KB, 593x635, 1525063288323.png)

>>19707
>eu acho que se a empresa quiser localizar os preços ela pode, mas não é obrigada
Totalmente de acordo. O problema é ela localizar preço a $10 na Argentina e $55 no Brasil.

>>19709
>>19712
>>19714
Tem mais aí do que só vender mais ou vender menos, eu simplifiquei muito aquela frase, pelo visto. Existe um balanço de preço que vai dar a maior margem de lucro, e esse preço com certeza não é alto. Isso acontece porque o seu público é limitado. Mesmo que seu jogo seja de graça, nem todo mundo vai comprar ele.

No entanto, faz MUITO sentido colocar um preço mais elevado no lançamento e derrubar ele gradualmente, até em pouco tempo. É isso que essas empresas de jogos AAA normalmente faz. O preço inicial é alto, mas logo cai nem que seja em promoção. GTA V lançou por R$100 em janeiro e em abril já dava pra conseguir por R$60 nas promoções.

Voltando um pouco ao assunto do fio, estou com um dinheiro parado na wallet tem um tempo. Estou pensando em tentar dar uma chance pra Atelier quando entrar em promoção. Eu queria jogar o Ayesha de começo, mas ainda não tem na Steam e quando sair vai ser impagável. Estou considerando em pegar o Totori, é um bom título pra começar?

 No.19728

File: 1570403669704.jpg (252,18 KB, 869x931, Sem título.jpg)

Abro a Steam e vejo isso. Grande dia.

 No.19729

YouTube embed. Click thumbnail to play.
Adoro quando pessoas que não conheciam a série passam a conhecer e gostar dela. Vídeo relatado.

 No.19730

>>19729
Eles não parecem muito inteligentes com a janela de lançamento, mesma semana de Call of Duty e MediEvil Remake.

Vou esperar o preço abaixar.

 No.19731

File: 1570486600798.jpg (20,91 KB, 213x325, 81KP2jc74qL.jpg)

>graças a discussão resolvo olhar o preço na nintendo store argetina
>mcq
https://store.nintendo.com.ar/

 No.19734

Essa Lila é humana?

 No.19741

>>19734
Ela parece furry com aquelas mãos com garras.

 No.19752

File: 1572328032318-0.jpg (602,15 KB, 1920x1080, 20191028221824_1.jpg)

File: 1572328032318-1.jpg (456,23 KB, 1920x1080, 20191028222712_1.jpg)

File: 1572328032318-2.jpg (302,5 KB, 1920x1080, 20191028235229_1.jpg)

File: 1572328032318-3.jpg (520,28 KB, 1920x1080, 20191028235854_1.jpg)

Atelier Ryza está lindíssimo. Jogá-lo no PC é maravilhoso (alguns reviews no YouTube foram feitos no Switch que tem muito serrilhado aparente). De longe o jogo mais bonito que a Gust já fez, é um salto de qualidade se comparado com os títulos anteriores. Os modelos 3D estão muito bem feitos, a iluminação é um show à parte (com direito ao movimento das nuvens afetar na iluminação), e os cenários estão maravilhosos que dá vontade de ficar admirando as paisagens. Recém comecei a jogar, estou com umas 3 horas de jogo e mal passei das primeiras partes porque fico admirando a paisagem enquanto coleto itens. Achei muito bonito o cenário noturno com aquela lua cheia maravilhosa e todas as estrelas brilhando no céu.

Realmente a parte gráfica do jogo está impressionante. A riqueza dos cenários chama bastante a atenção, com uma série de movimentos e diversos detalhes. As gramas e flores estão bem detalhadas, há também o vento que por vezes leva folhas e outros pequenos fragmentos no ar. Os cenários são bem grandes (não tanto quanto Firis que era mundo aberto) em comparação com os demais jogos da série.

Não sei se o jogo satisfez quem comprou pelas coxas da Ryza… Eu achei ela bem mais "cute" do que "sexy". É o bom e velho Atelier de sempre, mas cheio de inovações e com um novo character design. Não ficou tão apelativo quanto as fanarts faziam parecer. As imagens do Toridamono realmente ressaltam as coxas dela, mas o modelo 3D está ótimo. Depois de se acostumar com a Ryza na tela fica estranho jogar os outros Ateliers com as garotinhas magrinhas e pequenas, isso sim é uma diferença notável, mas as proporções da Ryza são bem mais "normais" para os nossos padrões.

Como estou bem no início ainda fiz poucas alquimias e poucas batalhas. Até onde eu testei o sistema de alquimia ficou bom, me lembrou o da trilogia de Dusk. Acho que já peguei bem o sistema de criação de itens, só me faltam ingredientes melhores para fazer itens mais fortes. Inclusive já coloquei o jogo no hard. Para quem já conhece a série o novo sistema de batalha não vai ser complicado de se adaptar, basta se organizar nos itens que ainda dão uma grande diferença nas lutas.

No início o enredo e o clima lembra mais um Atelier Iris do que os últimos Ateliers. É realmente focado na aventura da Ryza e seus amigos, tem um enredo simples que move a história, não é tão slice of life quanto outros jogos da série. Quem nunca jogou um Atelier vai ter facilidade de começar por este, tem um ambiente que lembra um JRPG de aventura clássico.

Parece ser um bom jogo, continuarei jogando e futuramente vou comentar com mais detalhes aqui.

 No.19753

>>19687
>E mesmo com toda atenção que esse Atelier está tendo, eu tenho quase certeza que não vai aparecer nos destaques da Steam, mesmo quando estiver próximo ao lançamento. Se aparecer será por 1 ou 2 dias e então será substituído por algum shovelware qualquer. A Steam tem alguma birra com Atelier, não faço ideia do motivo.

Exatamente como eu previ. Atelier não teve uma única menção na página inicial da Steam no lançamento.

 No.19754

>Category Atelier Ryza Ever Darkness and the Secret Hideout-CODEX
Added in Games :: PC on 2019-10-29 00:10:11

Já saiu.

 No.19755

>>19753
Em compensação apareceu em algumas coisas do Steam Labs. Vídeo relatado, aos 6:05.

 No.19756

File: 1572472535241.jpg (343,32 KB, 1909x1071, EIJhERhWsAIRAie.jpg)

Para quem tiver interesse, a Koei Tecmo está com dois giveaways simultâneos no Twitter:

3 keys (um para cada sorteado) de Atelier Ryza (sorteio 5:00 PM PDT 11/1 - 21h de 01/11/19, horário de Brasília):
https://twitter.com/KoeiTecmoUS/status/1189620883012243456

1 key de Atelier Ryza, mas se já tiver eles dão uma key de qualquer jogo deles de 2017 até hoje:
https://twitter.com/KoeiTecmoUS/status/1188908357425303552

E eles dão mesmo essas keys. Para eles é gratuito e ganham publicidade com isso. Eu inclusive já ganhei uma key meses atrás em um giveaway desses.

 No.19757

>>19753
Não é birra com atelier, eles tem birra com qualquer coisa oriental.

 No.19758

File: 1572528776275.png (37,86 KB, 591x157, 1572526657468.png)

91 no Metacritic. Eu repito: 91 no Metacritic.
Adivinhe que jogo ganhou uma nota mais alta que Sekiro, Devil May Cry 5, The Outer Worlds e Kingdom Hearts 3 no Metacritic…sim, foi Atelier Ryza!
GOTY!

https://www.metacritic.com/game/switch/atelier-ryza-ever-darkness-the-secret-hideout

 No.19759

File: 1572630462191-0.jpg (324,26 KB, 1072x1500, EICJdCcUwAE8pFI.jpg)

File: 1572630462191-1.jpg (173,83 KB, 1200x1200, EIBV81YXUAAyAsW.jpg)

File: 1572630462191-2.jpg (315,67 KB, 2340x1827, EIE4lGWXYAAyrJy.jpg)

Notícia que saiu essa semana. Pode ser que a Ryza se torne a protagonista do próximo jogo da série (lembrando que normalmente fazem trilogias). Já esperava por isso, Atelier Ryza 2 é possível:

https://www.siliconera.com/2019/10/27/ryza-might-return-as-the-protagonist-of-the-next-atelier-game-says-producer/

 No.19760

File: 1572718658270.jpg (314,9 KB, 1877x1330, fairy-tail-e1572693349492.jpg)

Nova entrevista com Kikuchi Keisuke sobre os projetos da Gust:

https://translate.google.com/translate?hl=en&sl=fr&tl=en&u=https%3A%2F%2Fwww.actugaming.net%2Ffairy-tail-interview-keisuke-kikuchi-278085%2F

>We can not give you details, but we can tell you that at the moment we have four projects in progress, including an upcoming Atelier.


Provavelmente os 4 projetos sejam o Fairy Tail, o novo Atelier (talvez Ryza 2), a trilogia Dusk DX e um novo jogo ainda não anunciado. Este último pode ser qualquer coisa. Espero que seja um novo jogo dirigido pelo Akira Tsuchiya (mas um Blue Reflection 2 ou Nights of Azure 3 em uma engine nova não seria ruim).

 No.19761

Tem feminista no projeto desse jogo?

 No.19762

Sobre a pergunta que fiz antes. Sabem me informar se todas as cutscenes estão dubladas em Inglês ou dublaram só as japonesas?

 No.19763

>>19761
Até onde eu saiba não.

>>19762
Nos jogos mais recentes como Atelier Ryza e Atelier Lulua só tem a dublagem em japonês, nada em inglês. O último jogo com opção de dublagem em inglês que eu lembre foi de PS3. Mas algumas cenas como de sidequests não são dubladas nem em japonês.

 No.19764

File: 1572970642990-0.jpg (90,31 KB, 1200x675, AtelierRyza-Skirt-Flip-Pan….jpg)

File: 1572970642990-1.jpg (170,44 KB, 1239x1043, AtelierRyza-SeeThrough-Nip….jpg)


 No.19765

File: 1573247588483.png (684,19 KB, 955x502, ClipboardImage.png)

Apenas passando para avisar que a série Arland está com desconto.



[Voltar][Vá para o topo] [Catalog] [Post a Reply]
Deletar Mensagem [ ]
[ jp / vlm ] [ th / k ] [ p ] [ mod ] [ irc ]